Lewis Hamilton vence o Grande Prêmio da Turquia, é heptacampeão da Fórmula 1 e iguala Michael Schumacher!

Destaques Fórmula 1 Luiz Morello

Lewis Hamilton fez história mais uma vez. O piloto britânico da Mercedes venceu o Grande Prêmio da Turquia neste domingo com uma exibição que não foi brilhante, mas inteligente e estratégica, e sagrou-se heptacampeão da Fórmula 1. Recordista em número de vitórias, ele se igualou a Michael Schumacher em títulos na categoria. O mexicano Sergio Pérez, da Racing Point, terminou em segundo e o alemão Sebastian Vettel, da Ferrari, completou o pódio.

Charles Leclerc da equipe Ferrari, foi o quarto colocado. Carlos Sainz também mostrou sua habilidade para guiar em condições adversas e terminou na quinta posição com a McLaren.

Max Verstappen e Alexander Albon, a dupla de pilotos da Red Bull, terminaram em sexto e sétimo, respectivamente, depois de uma péssima largada do holandês.

Lando Norris fez boa corrida de recuperação e terminou em oitavo. Lance Stroll, que largou da pole position e se manteve na liderança até a volta 36, foi o nono com a Racing Point, enquanto Daniel Ricciardo, da Renault, fechou o top-10.

Lewis Hamilton foi absolutamente dominante em 2020, chegou à fantástica marca de 94 vitórias na carreira em 264 provas e foi campeão antecipadamente, mais uma vez. O agora heptacampeão mundial triunfou em 10 das 14 corridas da temporadas até aqui e reforçou, a cada prova, que já está entre os maiores da história. Ele chegou a 308 pontos na classificação e já não pode ser alcançado por seu companheiro Valtteri Bottas, que decepcionou na prova turca e terminou fora da zona de pontuação, em 14°.

Destruidor de recordes, Lewis Hamilton chegou ao sétimo título com naturalidade. Assim como no ano passado, sobrou em relação aos rivais, mostrou que está em outro patamar já há algum tempo e impôs uma verdadeira dinastia na Fórmula 1, com sete conquistas, sendo quatro consecutivas.

“É muito importante que as crianças vejam isso. Não acreditem quando disserem que vocês não podem fazer algo. Sonhem com o impossível. Trabalhem por isso, persigam, nunca desistam”, reforçou Lewis Hamilton, que superou o preconceito e outras adversidades para se tornar um dos maiores ídolos do esporte mundial. Após a corrida, o britânico vibrou muito e se emocionou.

A última volta foi emocionante e resumiu bem toda a corrida. Charles Leclerc partiu para cima de Sergio Pérez e tomou a segunda colocação do mexicano, mas errou quando faltavam três curvas para o final e foi superado pelo mexicano e também pelo seu companheiro de equipe, Sebastian Vettel.

Na bandeira quadriculada, Lewis Hamilton venceu com 31,6s de vantagem para o segundo colocado.
A Fórmula 1 dá sequência a temporada 2020 no dia 29 de novembro com a realização do Grande Prêmio do Bahrein, no circuito de Sakhir.

Classificação final do Grande Prêmio da Turquia:

1) Lewis Hamilton (Mercedes)
2) Sergio Pérez (Racing Point/Mercedes)
3) Sebastian Vettel (Ferrari)
4) Charles Leclerc (Ferrari)
5) Carlos Sainz Jr. (McLaren/Renault)
6) Max Verstappen (Red Bull/Honda)
7) Alexander Albon (Red Bull/Honda)
8) Lando Norris (McLaren/Renault)
9) Lance Stroll (Racing Point/Mercedes)
10) Daniel Ricciardo (Renault)
11) Esteban Ocon (Renault)
12) Daniil Kvyat (AlphaTauri/Honda)
13) Pierre Gasly (AlphaTauri/Honda)
14) Valtteri Bottas (Mercedes)
15) Kimi Räikkönen (Alfa Romeo/Ferrari)
16) George Russell (Williams/Mercedes)
17) Kevin Magnussen (Haas/Ferrari)
OUT) Romain Grosjean (Haas/Ferrari)
OUT) Nicholas Latifi (Williams/Mercedes)
OUT) A.Giovinazzi (Alfa Romeo/Ferrari)

Foto: Destaque/Reprodução/XPB Images

Por: Luiz Morelo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *